tvmais

em parceria com a Activa

Perfil

Televisão

Há mais sete finalistas para o Festival da Canção RTP (oiça as músicas!)

A segunda semifinal decorreu este domingo. Conheça os temas eleitos nesta fase.

TVMAIS

Decorreu este domingo, dia 25 de fevereiro, a segunda e última semifinal do “Festival da Canção RTP”. Desta fase sairam sete novos finalistas, que se irão juntar a outros sete apurados na primeira semifinal. É já no próximo domingo, 4 de março, que tudo se decide.

Diogo Piçarra interpretou “Canção do fim”. O jovem cantor dispensa apresentações. Vencedor de uma das edições do programa da SIC “Ídolos”, o seu percurso conta com discos em nome próprio e inúmeras colaborações com nomes como os de Paulo de Carvalho, Karetus e AnaVitória. Os seus temas já foram utilizados inclusivamente em bandas sonoras de telenovelas. Obteve 24 pontos.

Cláudia Pascoal cantou “O jardim” e a sua cara não é estranha aos fãs de “The Voice”, já que foi concorrente daquele programa de talentos musicais, tendo passado às galas finais da mais recente edição. Não escondeu a alegria que sentiu quando Isaura a convidou para este desafio e, à semelhança de muitos portugueses, é fã de "Amar pelos dois", que deu a Salvador Sobral a vitória na edição anterior desta competição. Totalizou 20 pontos.

Com composição de Tito Paris, Maria Inês Paris subiu ao palco para interpretar “Bandeira azul”. A voz jovem e quente da cantora não foi indiferente aos jurados e por isso, estará a cantar em Guimarães, na próxima semana, como uma das finalistas desta competição. Prestes a completar 22 anos de idade, canta desde os nove e o seu apelido não é apenas uma coincidência. É sobrinha de Tito Paris e filha do baterista do cantor caboverdiano. Soma participações em competições musicais, já que fez parte da edição de 2016 do “The Voice” e já três anos antes tinha concorrido a “Factor X”. Somou 12 pontos.

A dupla Minnie & Rhayra surpreendeu com um tema de Paulo Flores. “Patati Patata”, com ritmos quentes de África, resultou numa mistura de estilos que pôs outros concorrentes a dançar durante a competição. Graças à liberdade linguística que a organização do festival permitiu aos seus concorrentes, as cantoras puderam misturar várias línguas. Obteve 10 pontos.

Lili interpretou “O voo das cegonhas”, tema com letra de Armando Teixeira e que é uma homenagem à terra de origem da cantora, Sesimbra, que se fez acompanhar pelas filhas. Totalizou 10 pontos.

David Pessoa cantou o tema “Amor Veloz” e a vida musical não tem segredos para este concorrente. Membro dos Fogo-Fogo e dos Cais Sodré Funk Connection, ficou visivelmente honrado com o convite que Francisco Rebelo lhe dirigiu, em quem reconhece uma das figuras que mais admira no mundo da música. Somou nove pontos em ex aequo com Peter Serrado.

Peter Serrado compôs e interpretou “Sunset”. O lusodescendente de 25 anos veio de Toronto para participar na competição e foi apurado para a final. Apesar de ter começado a cantar aos cinco anos, foi apenas quando atingiu a maioridade que começou a olhar a música como um percurso profissional com futuro. Já participou em diversos concursos de talentos musicais e compõe as suas próprias músicas. Obete nove pontos em ex aequo com David Pessoa.